×
Café das 6 / 28 de maio de 2020 - 08H 35m

Programa Café das – 28 maio 2020

BNEWS / 27 de maio de 2020 - 19H 35m

Rui Costa diz que Feira de Santana é a cidade que mais preocupa

O governador Rui Costa celebrou nas redes sociais os resultados da manutenção do isolamento social na Bahia durante o combate contra a pandemia do novo coronavírus. Desde a última segunda-feira, Salvador e outras cidades do interior da Bahia anteciparam feriados e suspenderam serviços. “Diria que hoje é um resultado por nos alegrar. Começamos a ver uma luz no final do túnel”, declarou em uma live na noite desta quarta-feira (27). “Se a gente conseguir manter em Salvador e nessas 10 cidades um isolamento maior, vamos reverter esse gráfico”. O gráfico apresentado demonstra que o avanço da pandemia está estagnado, ou seja, os casos ativos pararam de crescer. O governador, no entanto, afirmou que é importante reforçar o isolamento em Camaçari, Candeias, Jequié, Ilhéus, Ipiaú e Feira de Santana por causa do aumento de casos nesses municípios. “A cidade que mais no preocupa é a de Feira de Santana. […] Lá já não é mais sinal amarelo, é sinal vermelho”, ressaltou.

(BNews)

Câmara de Feira / 27 de maio de 2020 - 13H 09m

Presidente da Câmara de Feira assume desconhecer funções do painel eletrônico

O Presidente da Câmara de Vereadores de Feira de Santana, José Carneiro Rocha (DEM), se pronunciou sobre a denúncia da falta de publicização dos dados obtidos através do painel eletrônico. Ele explicou que o painel foi comprado e instalado na gestão anterior a dele, do ex-presidente Ronny Miranda, que morreu no exercício do mandato. “Confesso que desconheço que esse painel tenha esse dispositivo, mas temos uma pessoa responsável pela manutenção e manuseio do equipamento. Como estamos vivendo um momento de feriado antecipado não posso dar nenhuma informação a respeito”, disse. O Blog do Velame revelou que o painel comprado por R$ 170 mil tem um sistema que permite emissão de relatório com histórico da atuação de cada parlamentar. Ou seja: presenças, votações, tempo de discursos, etc. Entretanto, esses dados não são disponibilizados pelo presidente. Carneiro ressaltou que foi um dos poucos presidentes do legislativo feirense que descontou salário dos vereadores em decorrência de faltas cometidas numa sessão, apesar do blog só ter registro do corte ter acontecido uma única vez na gestão dele. O edil ainda ironizou a denúncia. “Não tenho dúvidas que o jornalista tá procurando chifre em cabeça de cavalo, que ele continue procurando porque tenho certeza de que um dia ele acha”.

Café das 6 / 27 de maio de 2020 - 08H 40m

Programa Café das 6 – 27 maio 2020

Feira de Santana / 26 de maio de 2020 - 18H 59m

Comerciantes desrespeitam decreto e têm os estabelecimentos fechados em Feira

Entre tantas ocorrências registradas pela Força Tarefa que está fiscalizando o fechamento do comércio, uma delas chamou a atenção: 38 estabelecimentos autorizados para funcionar foram interditados porque não estavam respeitando as normas de prevenção contra o corona vírus, conforme estabelece a Prefeitura de Feira de Santana. “Lamentavelmente, os donos dessas casas comerciais ainda não se conscientizaram dos cuidados com a saúde deles mesmos, dos funcionários e clientes. Não vamos tolerar desrespeitos como esses”, afirmou o prefeito Colbert Martins ao saber das interdições. Em apenas cinco dias de fiscalização, a Força Tarefa já interditou quase uma centena de casas comerciais, a maioria delas bares e restaurantes em bairros. Foram fechadas também lojas de calçados e confecções, de produtos para festas e uma galeria com estabelecimentos de vários segmentos, além da famosa Feiraguay. O fechamento do comércio foi determinado desde quinta-feira da semana pelo Governo Municipal, excetuando-se os serviços essenciais. A Força Tarefa é composta por várias secretarias municipais e conta com o apoio da Polícia Militar.          

Feira de Santana / 26 de maio de 2020 - 13H 16m

Colbert não descarta aplicação de lockdown em bairros de Feira

A paralisação total de Feira de Santana, especialmente dos deslocamentos de pessoas, também conhecida como lockdown, não está sendo planejada para ser aplicada no município. A afirmação é do prefeito Colbert Martins Filho, durante a coletiva semanal. “Espero não participar de uma ação desta de fechamento total da cidade”. Mas a aplicação da medida não está descartada em bairros que apresentam maior mobilidade – as circunstâncias estão sendo avaliadas. “A gente pode pensar numa restrição ainda maior nestes locais”, afirmou Colbert Filho. A medida extrema, diz o prefeito, deve ser rápida, visto às condições que se tem na cidade. Mas, de acordo com ele, esta não é a última medida a ser adotada para tirar as pessoas das ruas. A medição dos índices de circulação de pessoas nas ruas, o isolamento social, está sendo feita por empresas de telecomunicação móvel e os números estão sendo apresentados diariamente, às 15h, e atualizados. No domingo, o índice de isolamento foi de 45,9%, alguns pontos percentuais abaixo do recomendado pelas autoridades sanitárias. O ideal é 70%. Estes números serão divulgados diariamente no site feiradesantana.ba.gov.br.

Câmara de Feira / 26 de maio de 2020 - 08H 00m

Dados ocultados do painel eletrônico da Câmara de Feira podem complicar vida de José Carneiro

Em agosto de 2017 a Câmara Municipal de Feira de Santana reiniciou os trabalhos do segundo semestre com uma novidade. Era a instalação do novo painel eletrônico, que prometia registrar a presença dos vereadores via biometria, tempo de pronunciamentos e votações. A novidade custou R$ 180 mil e serviria para dar maior transparência ao trabalho legislativo. Entretanto, em fevereiro de 2020, pode-se afirmar que isso não aconteceu. O Blog do Velame tenta desde meados de 2019 obter informações sobre a frequência dos vereadores feirenses nas sessões, porém, sem sucesso. O presidente da Casa, o vereador José Carneiro Rocha (DEM), chegou a afirmar que disponibilizaria todas as informações no site, mas cumpriu apenas parte da promessa. Passou a divulgar a lista de presença das sessões deste ano, mas ignora os pedidos dos anos anteriores. A justificativa é que são centenas de páginas de documentos e que seria um trabalho demorado e impreciso, já que algumas ausências são justificadas com atestados. A explicação do presidente cai por terra ao se analisar os documentos da compra do painel eletrônico. O Blog do Velame descobriu que o painel comprado da empresa Visual Sistemas guarda todas as informações solicitadas de forma bem simples e detalhada. No contrato entre a empresa e a Câmara que o blog teve acesso, e que descreve precisamente as funções do painel, é possível constatar algumas das funções do equipamento adquirido pela Câmara. O sistema permite que ao digitar o nome de cada vereador, ele emita um relatório histórico da atuação de cada parlamentar. Ou seja: presenças, votações, tempo de discursos, dentre outras funções são dados de fácil acesso. Até porque, na Casa Legislativa existe um cargo só pra cuidar desse painel: é a função de Coordenador de Painel Eletrônico (símbolo COPE). Um membro do Ministério Público Estadual da Bahia ouvido pelo blog revelou que é possível que o motivo para que a presidência se negue a abrir os dados seja a falta de comprovação dos atestados de falta. Apesar do blog constatar inúmeras ausências ao longo dos anos de 2017, 2018 e 2019, só existe um registro de falta descontada dos salários nesse período (clique AQUI e relembre). Segundo o regimento da Casa, a justificação das faltas deve ser feita por ofício fundamentado ao Presidente e consideram-se motivos justos da ausência o desempenho de missões oficiais e doença. Pela omissão, o presidente José Carneiro pode ser acusado de improbidade administrativa.

Opinião/Rafael Velame / 26 de maio de 2020 - 07H 18m

Aos fiéis apoiadores de Bolsonaro

Somos de uma geração que teve Tancredo Neves como presidente. Ele nos trouxe a redemocratização. Somos da geração de Ulisses Guimarães que nos deu a constituição cidadã. Somos da geração de Itamar Franco que foi o responsável pelo plano de estabilização. Somos da geração de FHC que viabilizou a estabilização econômica e o respeito às normas constitucionais. Somos da geração de Lula que foi o responsável pela inclusão social de uma camada esquecida da população. Todos esses ex-presidentes tiveram problemas, erros, mas de uma forma ou de outra nos trouxeram vitórias e evoluímos como sociedade. Mas também somos da geração de Collor e da geração Dilma. Porém, nos livramos deles. Era o que devia ser feito e foi. Pergunto o que faremos com Bolsonaro? É possível morrer 25 mil brasileiros e a resposta dele ser: E daí? É possível assistirmos a maior crise econômica da história e o presidente ficar apenas preocupado se os filhos serão investigados ou não e, por conta disso muda o diretor da Polícia Federal. É possível vivermos uma pandemia sem ministro da saúde? Dois Já foram embora. Restou um general que nem médico é. É possível que o presidente se refira aos governadores dos mais importantes estados da federação como: bosta e estrume? É possível que o presidente faça apologia a uso de uma droga que a ciência e toda classe científica mundial diz não existir um trabalho que possa embasar o uso Não. Não é possível. Também não é possível aceitar que temos 25% da população brasileira de fascistas. Não. Não somos. Então, essa carta não é para a população brasileira. Essa carta é para você que apoia ou tem simpatia a Bolsonaro. O Brasil que você deseja é o país que possivelmente todos nós queremos. Apenas afirmo que Bolsonaro não representa esse Brasil de transformação que você deseja. Não representa. Você apenas está com raiva e com medo. Não fique. Esse tipo de sentimento só extrai o que existe de pior em nós. Somos irmãos de pátria e irmãos nem sempre concordam, mas sempre se cuidam. Vamos deixar essa parte podre, fascista, feia, triste e má para trás. Se é o seu desejo, continue liberal, querendo um estado menor, com meritocracia. Mas, com pessoas com as quais possamos dialogar e construir um mundo que seja feita pelas diferenças, pois estas são as nossas maiores riquezas. Há pessoas que defendem tudo isso, mas que defendem o amor, a compreensão e a tolerância. Chega de pregar o conflito e a discórdia. Vamos deixar para trás o que não nos coloca para frente. Abaixo os fascistas, esses com certeza como diriam os republicanos espanhóis na guerra civil espanhola “Não passarão”. Reflitam. O Brasil será o que construirmos. Juntos. Hoje eu ofereço a mão do entendimento, espero de vocês a outra mão, chamada compreensão. E assim vamos juntos lutar por um país melhor para todos, sem distinção.

Feira de Santana / 25 de maio de 2020 - 16H 48m

Nível de isolamento em Feira está sendo monitorado pela prefeitura

A Prefeitura de Feira de Santana está monitorando o nível de isolamento social neste período de pandemia do coronavírus. O serviço, que foi implantado pelas operadoras de telefonia Claro, TIM, Oi e Vivo, permite que o governo verifique através de dados do celular onde as pessoas estão mais aglomeradas. No sábado, 23, o índice de isolamento social em Feira de Santana ficou em 48,2%. Já no domingo, 25, subiu para 51,7%. O ideal é de 70%; e o mínimo recomendado pelas autoridades sanitárias é 50%. Os dados capturados são usados para criar “manchas de calor”, sendo possível identificar os locais com maior concentração de pessoas. Regiões onde há maior aglomeração são tingidas de vermelho, e aquelas com menor, pintadas de verde. Também é possível medir o deslocamento das pessoas. As informações serão atualizadas diariamente sempre às 15h. Os dados estão sendo acessados pela Secretaria de Governo, que dispõe do login de acesso ao serviço. “É um serviço importante que nos permitirá identificar os locais com maior aglomeração de pessoas”, afirma o prefeito Colbert Filho.  A plataforma também está sendo utilizada nas grandes capitais, como São Paulo. Ela foi construída pela ABR Telecom.

Feira de Santana / 25 de maio de 2020 - 15H 13m

Enfermeiro denuncia descarte irregular de EPIs no Samu de Feira

Enfermeiro denuncia descarte irregular de EPIs no Samu de Feira
Garagem serve de varal para EPIs reaproveitadas mas que que deveriam ser descartáveis

O enfermeiro Edklércio Gomes, presidente do Instituto de Defesa da Dignidade Humana, fez uma grave denúncia através das redes sociais. Em um vídeo publicado no Facebook, ele acusa a coordenação do Samu de Feira de Santana de realizar descarte irregular de EPIs. “As coordenações do SAMU, além de estar mantendo em escala, profissionais doentes e idosos grupo de risco em atividade estão obrigando os profissionais técnicos de enfermagem a realizarem lavagem e desinfecção dos macacões que teriam que ser descartáveis”, disse. Gomes afirmou ter encaminhado ofício relatando o caso a Secretaria de Saúde. “Os macacões utilizados nas ocorrências estão sendo lavados dentro de um balde na garagem das ambulâncias”, revelou. O procedimento contraria o que foi divulgado no último dia 20 de maio pela própria Prefeitura de Feira quando divulgou um evento da Comissão de Paramentação e Desparamentação de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) da Secretaria Municipal de Saúde que estabeleceu um Protocolo Operacional Padrão (POP) sobre o uso e descarte de equipamentos. Na ocasião, foi divulgado que o treinamento foi implantado com o objetivo de minimizar o risco de contágio dos profissionais de saúde que estão na linha de frente no combate ao novo coronavírus (Covid-19), que teriam disponíveis coleta um kit especifico de segurança, composto de protetor facial, máscara cirúrgica, touca e macacão descartável. Entramos em contato com o Maisa Macedo, coordenadora do Samu, que negou a informação. Questionada sobre qual é o processo adotado, Maísa preferiu não dar detalhes, pois, disse estar em um compromisso no momento em que fizemos o contato.

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov