×
Bahia / 24 de junho de 2021 - 18H 09m

Covid 19: Governo da Bahia não vai enviar vacina da Janssen para Feira de Santana

A Bahia recebeu nesta quinta-feira (24) as primeiras doses de vacinas contra a Covid-19 fabricadas pelo laboratório Janssen. A remessa com 92.100 doses chegou ao aeroporto de Salvador às 9h35, trazidas em um voo comercial. O quantitativo será destinado 50% para a capital e a outra metade será distribuída proporcionalmente para os demais municípios da região metropolitana de Salvador, além de Santo Amaro, Conde e Saubara. A cidade de Feira de Santana não está entre as cidades contempladas. As vacinas serão utilizadas para dar prosseguimento ao plano de vacinação que está sendo executado pelos municípios.

Essa distribuição, que deve começar ainda nesta quinta-feira, ficou acordada em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), instância deliberativa da saúde que reúne representantes dos 417 municípios e o Estado. O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, esclarece que nas próximas remessas haverá um ajuste para que as vacinas continuem sendo distribuídas de forma proporcional. “Todos os municípios baianos continuarão a receber equitativamente as vacinas, tendo como referência a população local”, afirma.

O secretário da Saúde da Bahia destaca que “a grande diferença da vacina do laboratório Janssen das demais que estão sendo utilizadas até o momento no Brasil é que é dose única”.

Além das doses da Janssen, chegaram no mesmo voo 181 mil doses de imunizantes Coronavac. Outras 162.630 doses da vacina Pfizer/BioNTech estão previstas para chegarem em um voo com pouso programado para às 15h no aeroporto de Salvador.

Os imunizantes Coronavac e da Pfizer/BioNTech começarão a ser enviados na sexta-feira (25) para as regionais de saúde em aeronaves do Grupamento Aéreo da Polícia Militar e da Casa Militar do Governador, após conferência da equipe da Coordenação de Imunização do Estado. Elas serão remetidas para os 417 municípios baianos. As vacinas da Pfizer/BioNTech serão encaminhadas em sua totalidade enquanto que metade do quantitativo da Coronavac será reservada para a segunda aplicação.

Feira de Santana / 24 de junho de 2021 - 18H 00m

Operação resulta em mais de 100 fogueiras apagadas em Feira de Santana

Mesmo a Prefeitura de Feira proibindo a comercialização de fogueiras, a equipe de fiscalização constatou a venda do material, nesta quarta-feira, 24, véspera de São João. À noite, a Guarda Municipal em parceria com a Polícia Militar solicitou que apagassem mais de 100 fogueiras. O trabalho visa fazer cumprir o decreto municipal publicado no Diário Oficial Eletrônico, na segunda-feira, 21, pelo prefeito Colbert Filho, como medida de enfrentamento ao coronavírus, que estabelece a proibição de fogueiras em vias públicas entre os dias 21 e 30.   A madeira apreendida estava sendo comercializada, especialmente, nos bairros Rua Nova, Jardim Cruzeiro, Tomba, Cidade Nova, Mangabeira, Ponto Central e Brasília. À noite, as equipes atuaram nas avenidas Francisco Fraga Maia e Artêmia Pires e na rua São Domingos, onde quatro estabelecimentos foram fechados por descumprirem o horário permitido de funcionamento – 5h às 20h.  As informações são do secretário municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humano (Seprev), Moacir Lima.

Cultura / 24 de junho de 2021 - 10H 36m

Grupo Africania lança videoclipe sobre o Rio Jacuípe

No mês dedicado à consciência mundial sobre o meio ambiente, o grupo Africania traz Jacuípe Gemedeira, uma homenagem o Rio Jacuípe. Essa é a segunda canção do álbum O Curador do Museu do Imaginário que ganha um videoclipe e já se encontra disponível no canal do youtube e nas redes sociais do grupo, @bandaafricania. O trabalho traduz a grandiosidade Rio Jacuípe que se estende por mais de 400 km de extensão, além de tocar nas questões relacionadas à sua poluição.

As gravações do videoclipe foram iniciadas em fevereiro, com filmagens nas principais regiões até chegar em Feira de Santana, destacando a sua nascente em Morro do Chapéu. Além do audiovisual, o trabalho traz também um catálogo fotográfico que busca traduzir um pouco da riqueza cultural e ambiental do Rio Jacuípe, assim como a sua importância para Feira de Santana e região.

Além de Morro do Chapéu, regiões como Gavião, Quixabeira e Jaguara ganharam destaques na produção audiovisual, locais em que parte dos artistas envolvidos nasceram, respectivamente, Bel da Bonita, Daniel Penha da Quixabeira e Cesinha dos Olhos. “Além de destacar a riqueza e as dificuldades do Rio Jacuípe, escolhemos gravar em locais onde nascemos, conhecemos e que fazem parte das nossas memórias”, mencionou Bel da Bonita, o idealizador do projeto.

O trabalho tem a participação do grupo feirense Chuá de Cabaça, com os artistas Arquimedes Nascimento e Cesinha dos Olhos D’Água. O videoclipe teve a direção do cineasta Daniel Dourado, a direção de fotografia de Jaime Sampaio e a coordenação do jornalista Cid Fiuza. O projeto tem o apoio financeiro da Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer, via Lei Aldir Blanc. Direcionado pela Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

 

 

Feira de Santana / 24 de junho de 2021 - 09H 50m

Boulevard funciona em horário especial no feriado de São João 

O Boulevard Shopping funcionará com horários especiais a partir desta quarta-feira (23), (incluindo o feriado de São João, dia 24), até o dia 30 de junho. Lojas, quiosques e praça de alimentação funcionam das 10h às 19h. Já no domingo (27), a praça de Alimentação funciona das 12h às 19h, lojas e quiosques das 13h às 19h.   Durante este período, os Deliveries de alimentação começam suas atividades às 10h e seguem as atividades até às 22h.  Até o dia 27, diversas atrações acontecem no mall, para que os clientes possam aproveitar essa data tão importante, com muita música e comidas típicas. Na entrada E2 os clientes ainda vão poder se deliciar nas barracas de comidas típicas. Toda a renda da venda dos produtos da API ajuda a manter a instituição por alguns meses.  Na praça de eventos, barraquinhas típicas abrigam o projeto Feira Produtiva, uma parceria do Boulevard Shopping com a prefeitura através da Secretaria de Desenvolvimento Social de Feira de Santana. São seis barraquinhas, em que produtores dos distritos da cidade estão comercializando uma variedade de produtos típicos desta época, desde comida até decoração. Os distritos representados são: Humildes, Matinha, Tiquaruçu, Ipuaçu, Jaíba e Maria Quitéria.

Feira de Santana / 22 de junho de 2021 - 19H 50m

Justiça suspende corte de salários dos professores; Prefeitura de Feira vai recorrer

Não há nenhuma obrigação executável até que seja tomada a decisão favorável em 2º grau, no caso, pelo Tribunal de Justiça. A orientação é do procurador do município, Carlos Moura Pinho, a respeito do pagamento das horas extras e do deslocamento para os professores da Rede Municipal de Educação.

Esta segunda-feira, 21, foi divulgada uma decisão a respeito do caso. O juiz Nunisvaldo dos Santos, da 2ª Vara da Fazenda Pública, determinou que a Prefeitura voltasse a pagar os salários correspondentes aos horários extras e também à vantagem que diz respeito ao deslocamento para os professores que, no período anterior à suspensão das aulas no modo físico, atuavam em escolas localizadas nos distritos.

No entanto, a Prefeitura tem obrigação legal de apresentar recurso à decisão do juiz da 2ª Vara e segue aguardando o julgamento do mérito na instância superior, observa Moura Pinho. “Havendo sentença definitiva, a Administração Municipal irá cumpri-la, mas, por enquanto, o que temos não é uma decisão executável”, afirma. Em decisão anterior, o Tribunal de Justiça havia considerado que o pagamento pode implicar em risco de grave lesão à ordem e à economia públicas, uma vez que as aulas na Rede Municipal foram suspensas no modo presencial em 18 de março de 2020 por conta da pandemia pela Covid-19. Em 29 de março deste ano, as atividades foram retomadas, mas no modo não presencial.

Podcast / 22 de junho de 2021 - 19H 18m

Cidades Abertas: como conseguir informação?

Você sabia que você, cidadão, pode perguntar qualquer coisa para a administração pública? Vem saber como nesse episódio! Conversamos com Yasmin Garrido, editora de justiça do Bnews, e Bruno Morassuti, advogado e conselheiro da Fiquem Sabendo, sobre como conseguir informação através da Lei de Acesso à Informação (LAI).

Apresentado e produzido por Rafael Velame e Ana Paula Gomes.
Trilha sonora do Roça Round.
Edição de Anderson Cedraz

 

Feira de Santana / 22 de junho de 2021 - 19H 12m

Comércio de Feira de Santana está autorizado a funcionar nesta quinta-feira (24) de São João

Após autorizar funcionamento do comércio de Feira de Santana entre os dias 21 e 28 de junho, incluindo a quinta-feira de São João (24), o prefeito Colbert Martins publicou em edição extra do Diário Oficial do Município desta terça (22), decreto de número 12.198 suspendendo o feriado. A reposição da data comemorativa será posterior a situação de calamidade causada pela pandemia do coronavírus. É o segundo ano consecutivo que o São João não será celebrado no dia 24 de junho. Esperamos que em 2022 possamos todos comemorar o São João como gostamos, pois esta data é muito importante para o comércio e para as tradições de nosso povo nordestino. A decisão do prefeito Colbert Martins visa evitar a realização de festas, viagens e aglomerações motivadas pelo feriado prolongado, como medida de combate a pandemia do Covid-19. Sindicato do Comércio de Feira de Santana, Câmara de Dirigentes Lojistas e Associação Comercial e Empresarial de Feira de Santana.

Assembleia / 22 de junho de 2021 - 19H 11m

Deputado pede pavimentação das vias que ligam Feira de Santana a Jaguara e Tiquaruçu 

As estradas que ligam Feira de Santana aos distritos de Jaguara e Tiquaruçu podem receber melhorias do governo do estado. É que o deputado Angelo Almeida (PSB) apresentou indicação ao governador Rui Costa, para pavimentação asfáltica dessas vias.

Angelo ressalta que Feira de Santana possui oito distritos, sendo que os acessos a seis deles já são pavimentados, faltando intervenções apenas nos de Tiquaruçu e Jaguara. Na indicação, o parlamentar pede ao governador que faça a determinação à secretaria de Infraestrutura o mais breve possível.

“Em novembro de 2020, participamos de uma reunião com as classes produtoras de Feira, que contou com a participação de dirigentes da Associação Comercial, Câmara de Dirigentes Diretores Lojistas, líderes religiosos, representantes dos Rotary Clubes, Lojas Maçônicas, e lideranças políticas da região, e o governador anunciou que autorizaria a elaboração de projeto para a pavimentação das referidas vias”, lembrou Angelo.

Sobre os distritos

O distrito de Tiquaruçu fica às margens direita da BR-116 Norte, sentido Feira entroncamento de Tanquinho. Grande parte das pessoas que moram neste distrito se desloca diariamente para trabalhar ou estudar na cidade. Existem linhas regulares de transporte público de passageiros, além de um significativo número de veículos particulares. A distância entre a BR-116 Norte e a sede do distrito que é São Vicente não ultrapassa 9 quilômetros em terreno plano, facilitando a execução da obra e reduzindo os custos da pavimentação asfáltica.

Já o distrito de Jaguara fica às margens direita da BA-052, conhecida como Estrada do Feijão, sentido Feira – Anguera, e o acesso ligando a BA à sede do distrito é de aproximadamente 13 quilômetros.

“Importante evidenciar que a pavimentação do acesso a sede a Jaguará não beneficia somente os moradores da localidade, mas toda região, possibilitando uma importante diminuição no número de veículo que transitam no Anel de Contorno de Feira de Santana, uma vez que Jaguara tem ligação com o município de Tanquinho o que permitirá assim que motoristas possam encurtar a distância entre a BA e a BR-324, nos trechos Tanquinho, Riachão do Jacuípe e outras localidades com a realização da pavimentação deste trecho da obra”, destaca Angelo.

Feira de Santana / 22 de junho de 2021 - 11H 50m

Construtora é acusada por compradores de imóveis de aplicar “golpe do INCC”

Construtora é acusada por compradores de imóveis de aplicar “golpe do INCC”
Compradores do Canadá House alegam que foram enganados pelo construtora.

Cerca de 150 feirenses que sonham em ter imóvel próprio estão correndo risco de terem o sonho transformado em pesadelo. Compradores de empreendimentos da construtora R. Carvalho e da imobiliária Estação 1 alegam que foram enganados no que diz respeito aos valores que estão sendo cobrados pelo Índice Nacional de Custo da Construção, o famigerado INCC.

O publicitário Anderson de Assis é um dos compradores e revelou ao Blog do Velame que a maioria das falsas promessas sobre o suposto valor do INCC foi feita pessoalmente na hora de assinar o contrato com a construtora. “Infelizmente ele só rabiscava o papel, não colocava o valor, mas falava verbalmente que seria de até no máximo 3 mil”, conta.

No entanto, Anderson afirma que a taxa dele já está em mais de R$ 13 mil. “Isso tem me tirado o sono, me dando uma dor de cabeça por não saber o que fazer. Era um sonho meu que está virando um pesadelo”, diz

Uma manifestação de compradores dos empreendimentos Madrid, Malibu, Fontana e Canadá House está marcada para o próximo dia 23/06 às 14:30h, na sede da R.Carvalho, que fica próxima ao shopping Boulevard. Ele afirma que o objetivo do protesto é evitar que novas pessoas acreditem nas falsas promessas e pressionar a Construtora a rever os casos do grupo. “Estamos lutando para que eles não enganem mais pessoas e precisam dar um jeito e cumprir o que nos prometeram. Na hora de fechar a venda eles são um amor, mas na hora que precisam resolver viram as costas”, lamenta.

Um comprador do Canadá House, que preferiu não se identificar, contou ao blog que todas as pessoas com as quais que ele conversou e que também compraram casa no condomínio relatam a mesma promessa dos corretores. “É o golpe do INCC baixo. Eles são orientados a mentir sobre isso para que as pessoas fechem a compra”, denuncia.

RESPOSTA
A Estação 1 divulgou um comunicado nas redes sociais. Segundo a nota, a atualização dos saldos devedores dos contratos dos clientes é imprescindível para garantir o equilíbrio contratual e fazer com que as Construtoras e Incorporadoras possam manter o equilíbrio financeiro. Eles alegam que o aumento no preço de insumos e serviços fez com que o índice alcançasse o maior patamar dos últimos 28 anos. Sobre a alegação dos compradores, de que foram enganados sobre o valor do INCC no momento da compra, o construtora não se pronunciou. A R. Carvalho não respondeu aos questionamentos do blog.

 

O que é INCC e por que ele é cobrado?

Elaborado pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), o INCC significa Índice Nacional de Custo da Construção. Ele tem o objetivo de analisar o desempenho dos gastos das construções habitacionais. Geralmente, ele é cobrado para corrigir contratos na compra de imóveis, enquanto uma obra ainda está sendo construída. A análise envolve equipamentos, materiais, mão de obra e serviços utilizados na construção.

Feira de Santana / 22 de junho de 2021 - 10H 33m

“Não há expectativa de melhora”, alerta infectologista da Prefeitura de Feira sobre casos da Covid-19

“Não há expectativa de melhora”, é o que afirma a infectologista Melissa Falcão sobre os casos da Covid-19 em Feira de Santana. O alerta foi feito durante a transmissão da coletiva de imprensa com o prefeito Colbert Filho nesta terça-feira, 22.

Ainda de acordo com a coordenadora do Comitê de Combate ao Coronavírus, a Secretaria Municipal de Saúde tem identificado surtos da doença em ambiente de trabalho, quando, por descuido, muitos deixam de utilizar a máscara e, assintomáticos, acabam transmitindo a doença ao compartilhar o ambiente desprotegidos. Apesar da taxa de óbitos pela doença ainda ser considerada inferior – com 1,8% – se comparado a capital (2,95%), estado (2,20%) e país (2,76%), o índice de mortes ainda é alarmante. O mês de junho deste ano ocupa o terceiro lugar no recorde de óbitos no município, com 88 registros até o momento.

O secretário de Saúde, Marcelo Britto, voltou a convocar a população para receber a dose da vacina contra a Covid-19. “Esperamos que a população compareça aos postos de vacinação para chegarmos rapidamente ao público mais jovem”, destacou. O Hospital Municipal de Campanha tem registrado aumento das internações entre adultos, principalmente entre 30 a 40 anos. O diretor da unidade hospitalar, Valdir Cerqueira, atribui ao avanço da vacinação dos idosos – público que agora está mais protegido. “São 41 leitos de enfermaria ocupados. Já passaram pelo hospital 1.389 pacientes, destes, 356 pela UTI. Nesta madrugada faleceu uma paciente de 43 anos”.

LACEN

Feira propôs à Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) a implantação de uma unidade do Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen) para agilizar a realização e o resultado de exames para diagnóstico da Covid. Segundo Marcelo Britto, já existe o local e toda a documentação necessária já foi entregue. “Só depende, agora, da decisão da Secretaria da Saúde do Estado”, pontua.

Ouça:

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov